Accept Refuse

EUR-Lex Access to European Union law

Back to EUR-Lex homepage

This document is an excerpt from the EUR-Lex website

Document C2013/366/05

Nova face nacional de moedas de euro destinadas à circulação

OJ C 366, 14.12.2013, p. 10–10 (BG, ES, CS, DA, DE, ET, EL, EN, FR, HR, IT, LV, LT, HU, MT, NL, PL, PT, RO, SK, SL, FI, SV)

14.12.2013   

PT

Jornal Oficial da União Europeia

C 366/10


Nova face nacional de moedas de euro destinadas à circulação

(2013/C 366/05)

Image

Face nacional da nova moeda comemorativa de 2 euros destinada à circulação e emitida pela Finlândia

As moedas de euro destinadas à circulação têm curso legal em toda a área do euro. Com o objetivo de informar o público e todas as partes que manipulam as moedas, a Comissão publica uma descrição dos desenhos de todas as novas moedas de euro (1). Em conformidade com as conclusões do Conselho de 10 de fevereiro de 2009 (2), os Estados-Membros da área do euro e os países que tiverem celebrado um acordo monetário com a UE que preveja a emissão de moedas de euro estão autorizados a emitir moedas de euro comemorativas destinadas à circulação, sob certas condições: designadamente, só poderem ser moedas de 2 euros. Estas moedas têm características técnicas idênticas às das outras moedas de 2 euros, mas a sua face nacional apresenta um desenho comemorativo altamente simbólico, em termos nacionais ou europeus.

Estado emissor: Finlândia

Objeto da comemoração: o 125.o aniversário do nascimento do autor F. E. SILLANPÄÄ, vencedor do prémio Nobel

Descrição do desenho: A parte interna da moeda representa a efígie de Sillanpää. No topo, em semicírculo, a expressão «F. E. SILLANPÄÄ». À esquerda, o ano «1888» e o símbolo da Casa da Moeda. À direita, o ano «1964», a indicação do país emissor «FI» e o ano de emissão «2013».

Trata-se de uma moeda especial destinada a comemorar um vulto máximo da nação. F. E. SILLANPÄÄ foi um mestre de estilo que introduziu uma visão profunda na literatura finlandesa sobre a relação entre as pessoas e a natureza. Ganhou o prémio Nobel em 1939, em especial, devido às suas obras «Santa Miséria» e «Silja». Este autor de mestre adquiriu uma ainda maior fama nacional com as suas intervenções populares na rádio e inesquecíveis colunas de Natal. Nos anos subsequentes à guerra, o escritor de mestre transformou-se no «Taata» de longa barba, o avô não oficial do país. A partir das recordações dos natais da sua infância surgiu uma tradição muito estimada: o avô reúne devotamente toda a nação à volta dos seus rádios com as suas intervenções descontraídas de Natal.

No anel exterior da moeda estão representadas as doze estrelas da bandeira europeia.

Volume de emissão: 1,5 milhões

Data de emissão: novembro de 2013


(1)  Ver JO C 373 de 28.12.2001, p. 1, para as faces nacionais de todas as moedas emitidas em 2002.

(2)  Ver as conclusões do Conselho «Assuntos Económicos e Financeiros», de 10 de fevereiro de 2009 e a Recomendação da Comissão, de 19 de dezembro de 2008, relativa a orientações comuns para as faces nacionais das moedas em euros destinadas à circulação (JO L 9 de 14.1.2009, p. 52).


Top