Glossário das sínteses

Ajuda Exportar em PDF Imprimir esta página 

Estratégia de pré-adesão

A estratégia de pré-adesão oferece um «diálogo estruturado» entre as instituições da União Europeia (UE) e os países do alargamento [Bósnia-Herzegovina, Montenegro,  Kosovo (*), antiga República jugoslava da Macedónia, Albânia, Sérvia e Turquia]. Todos estes países pretendem aderir à UE e têm, por isso, de cumprir os critérios de Copenhaga.

As relações entre a UE e estes países assentam em acordos bilaterais. No que diz respeito aos Balcãs Ocidentais, o principal enquadramento das relações é o processo de estabilização e de associação, e todos os países têm em vigor um acordo de estabilização e de associação (com exceção do Kosovo). A Turquia tem um acordo de associação com a UE.

A estratégia de pré-adesão inclui ainda o processo de negociação de adesão, que é iniciado assim que são cumpridas determinadas condições, bem como um apoio substancial à ajuda de pré-adesão.

 (*) Esta designação não prejudica as posições relativas ao estatuto e está conforme com a Resolução 1244/99 do CSNU e com o parecer do TIJ sobre a declaração de independência do Kosovo.